Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Conduzir durante a gravidez

por Mia, em 25.05.17

Confesso que achei que, por esta altura, já me custaria mais. Não sendo uma pessoa propriamente alta nem com pernas infinitas, sento-me sempre relativamente próxima do volante, por isso antevia que a partir mais ou menos do meio da gravidez a barriga não me deixasse conduzir. Não aconteceu. A barriga ainda me deixa chegar a todo o lado e o puto mantém-se bastante sossegadinho quando vou no carro, por isso conduzir não é um problema, não fossem duas coisinhas: os outros condutores, e o stress do cinto de segurança.



Em relação à primeira não há muito a fazer. Sempre me enervou a estupidez alheia, toda a vida achei que as pessoas deveriam ser submetidas a exames psiquiátricos exaustivos antes de lhes passarem um automóvel para as mãos, sempre me revoltou a quantidade de anormais que têm acesso à arma mortal que um carro pode ser. E desde que estou grávida este meu mau feitio se acentuou bastante: enervo-me, buzino, grito e faço gestos feios às pessoas. Não é bonito, mas é o que é. "Não te podes enervar", dizem-me. Como se fosse uma opção. É certo e sabido, não há dia que pegue no carro sem me irritar profundamente.



Em relação ao segundo ponto, felizmente, as coisas são mais pacíficas. Assustava-me aquela ideia de, numa travagem brusca, o puto ser esmagado pelo cinto. Eu sei, eu sei, as coisas não são beeeeem assim, e ainda que o cinto possa causar problemas, é mais seguro isso do que não usar de todo, mas sou medricas, que querem? Comecei então a ter mais atenção à forma como o colocava, e a tentar seguir ao máximo esta técnica:

art_00943_posicao-cinto-de-seguranca-gravida.jpg

 Acontece que a minha barriga não colaborou.
Esta amostra de barriga não foi, durante muito tempo, suficiente para prender o cinto na zona inferior, o que não ajudava. Até que um belo dia uma amiga me emprestou aquele que foi o meu salvador: o cinto de segurança de gravidez:

direção.jpg

Se é ridículo? TÃO ridículo. Mas é incrivelmente confortável. É uma almofada que se coloca no banco, bem presa atrás, e que prende o cinto entre as pernas, fazendo com que não deslize para cima da barriga. Seguro, simples, e confortável, não sei se disse? Fiquei fã!

Autoria e outros dados (tags, etc)


2 comentários

Imagem de perfil

De Maria Araújo a 29.05.2017 às 15:47




Penso que uma grávida deve procurar a melhor forma de se sentir confortável durante a condução.
Coincidência, quando comecei a ler o terceiro parágrafo, a primeira coisa que me ocorreu, foi precisamente uma almofada.
Não acho que seja ridículo.
Vêem-se coisas mais esquisitas e parvas nos carros do que isto.
Imagem de perfil

De Mia a 29.05.2017 às 15:50

Sim, é verdade. O conforto e segurança são essenciais. Apesar de achar um pouco ridículo, não abro mão!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Oh, não gostaste do que escrevi?




Quem vem lá

Site Meter