Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




A frase caiu-me como uma bomba, e sei que nunca me vou esquecer dela:

 

 

Estás a pensar só em ti.

 

 

Assim, a frio. 

Era um almoço de domingo normalíssimo, ela estava-me a servir, eu disse que a quantidade que estava no prato era suficiente. A resposta não se fez tardar, gelada, crítica, como que a chicotear-me por ser uma péssima mãe. A frase foi esta mas bem que podia ter sido "és uma merda de mãe" ou "sua egoísta, estás a deixar o menino à fome", que ia dar ao mesmo.

 

 

Acho que não há coisa pior que se possa dizer a uma mãe do que acusá-la de descurar a cria.

 

 

Acaso achará esta alminha que ela ou qualquer outra pessoa zelam mais pelo meu filho do que eu? Será que passaram assim tantos anos que se tenha esquecido de todos os sacrifícios que uma grávida faz para garantir que a criança nasce bem? Terei eu escrito "INCOMPETENTE" na testa?

 

 

Nem o meu filho passa fome, nem tampouco eu sou estúpida.

 

Calhou de não ter engordado muito até agora. Quando engravidei estava acima do meu peso ideal, e fui tendo alguns cuidados não só para não ficar obesa, mas para garantir que o bebé tinha tudo aquilo de que necessitava. Só. Gostava de vos dizer que fui muitas vezes ao ginásio, mas seria mentira. Gostava de vos dizer que comi de forma exemplar, mas não haveria nada mais falso. Aconteceu de perder o apetite, aconteceu de enjoar de coisas como chocolate e doces, aconteceu de nada me saber bem, e acima de tudo aconteceu de este pequeno leitãozinho que carrego ser arraçado de ténia e me roubar tudo o que meto para o bucho.

Não estou a ser inconsciente, não estou a fazer dieta, calhou de ser assim.

 

E não há mal nenhum nisso.

 

Já vos disse aqui que não tenho uma barriga socialmente aceitável. Ora, se a minha barriga é relativamente pequena - que nem é, mas pronto - e o meu filho é enorme, não é preciso ser um génio para perceber que o espaço aqui não abunda, não é verdade?

 

O terceiro trimestre não está a ser meigo comigo, e um dos novos sintomas que me trouxe foram umas belas de umas dores de estômago, quando tenho mais olhos que barriga. Por vezes como muito depressa, ou como mais por gula do que por fome. E o meu estômago comprimido chega rapidamente à sua capacidade máxima. Juntem a isto um bebé com jeito para o sapateado, e dá para entender facilmente que, se como muito, fico muito mal. E se eu fico mal, será que ele fica bem?? Se eu passar o dia a contorcer-me com dores, estômago dilatado, em stress porque sei lá o que é normal e o que não é, fará bem à criança?

 

Não me parece.

 

Então se calhar, só se calhar, não estou a pensar "só" em mim. Mas também estou. E isso não é errado.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:04


12 comentários

Imagem de perfil

De Happy a 14.06.2017 às 08:20

Os comentários alheios são sempre tão desenxabidos! Não ligues, a mãe és tu e está tudo dito!!
Imagem de perfil

De Mia a 14.06.2017 às 12:06

Às vezes levo com cada um que nem acredito...
Imagem de perfil

De Chic'Ana a 14.06.2017 às 08:47

Haverá sempre falatório, ou por comeres demais, ou por comeres por defeito. Neste caso é a última opção, mas sabes que apenas necessitas de mais 300kcal no último trimestre, o que é equivalente a mais umas bolachinhas, por exemplo.. As pessoas é que insistem em comer por dois!
beijinhos
Imagem de perfil

De Mia a 14.06.2017 às 12:05

Exacto! E ainda se eu tivesse um bebé pequenito, mas é que nem isso...
Imagem de perfil

De Rooibos a 14.06.2017 às 11:12

Sou pai de 2 filhos (o mais velho com 4 anos) e fui aprendendo a desligar das coisas que vou ouvindo aqui e ali. Senão dava em doido, com a quantidade de vezes que me passaram "atestados de incompetência". Ou então tinha que dar uma resposta torta e depois as coisas azedavam (e há pessoas com as quais temos que conviver com frequência).
Imagem de perfil

De Mia a 14.06.2017 às 12:04

Acho que ainda não dei nenhuma resposta assim meeesmo torta. Normalmente sigo a máxima "sorrir e acenar", mas não sei por quanto mais tempo.
Imagem de perfil

De Rooibos a 14.06.2017 às 13:21

Eu normalmente fico sério e calado. Pelo menos é o que eu penso, porque a minha mulher diz que se nota logo que estou com cara de chateado.
Imagem de perfil

De Mia a 14.06.2017 às 17:10

Ahahah, cá por casa é igual. Eu acho que tenho uma boa "poker face", ele diz que faço um ar de desprezo que se topa a milhas...
Imagem de perfil

De m-M a 22.06.2017 às 16:45

Querida (vooooolteeeei!),

A minha mãe emagreceu 12kgs aquando da minha irmã, 8kg aquando de mim porque nós "a sugávamos"... e estamos as 3 cá!

(Também há quem diga que é da ruindade... muahahahah!)

Beijinho,
Imagem de perfil

De Mia a 22.06.2017 às 20:14

Aleluia!!
Emagreceu?? :O Fonix! Também quero... (aí é que as más linguas não se calavam MESMO)

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D

Oh, não gostaste do que escrevi?




Quem vem lá

Site Meter