Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




...

por Mia, em 28.11.17

O pior da maternidade não são as noites sem dormir. Não é o choro incessante, as dores de costas, o cansaço nem mesmo a fome. O que me mata um bocadinho por dentro todos os dias são as dores dele. É a angústia de que algo possa estar errado. De cada vez que se coloca a hipótese de alguma coisa não estar bem, é como se me arrancassem um órgão a sangue frio, e hoje sinto que me tiraram um pulmão. Custa-me tanto respirar como se estivesse submersa, estou tão preocupada que nem as lágrimas me saem. O meu menino pode não estar bem, e vamos ter que esperar (pelo menos) uma semana para saber. Venham daí essas vibrações positivas, que a coisa está difícil por aqui.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:37


1 comentário

Imagem de perfil

De VeraPinto a 30.11.2017 às 10:32

Como estás?

Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Oh, não gostaste do que escrevi?