Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Pedrógão Grande

por Mia, em 19.06.17

Não é muito habitual verem-me a falar dos flagelos da humanidade no blog. Não que me passe ao lado, longe disso. Não que não queira saber. Mas sinto, na maioria das vezes, ou não sei o suficiente sobre o assunto, ou que já tudo foi dito e não tenho nada de válido a acrescentar.

 

 

Ah, porque tu só falas de temas sérios, e de forma extremamente calma e ponderada - dirão alguns enquanto reviram os olhos.

Nada disso. Mas há assuntos que são, efectivamente, graves. E como tal não devem, a meu ver, ser abordados em tom de brincadeira.

 

 

Desde sábado à noite que me custa respirar - mais do que o habitual. Esta tragédia abalou-me como nenhuma outra alguma vez o fez. Tirou-me o sono, deu-me pesadelos, pos-me num estado depressivo sem explicação. Não consigo sequer imaginar o horror que aquelas pessoas terão passado, nem o inferno dos que ficaram.

Faltam-me as palavras, e sinto que qualquer outro tema que aqui aborde é demasiado pequenino. Também eu tenho as minhas teorias sobre o estado da nação e o quão evitável poderia ter sido este desfecho, mas não me parece que seja o momento de apontar dedos.

 

 

É altura de chorar os mortos, curar os feridos e fazer o luto, por isso, este blog ficará em silêncio por um bocadinho.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:40


Comentar:

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Oh, não gostaste do que escrevi?