Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Às vezes tenho dificuldade em entender onde fica a linha que separa o que é aceitável escrever num blogue, daquilo que é demasiada informação, que não é prudente ou bonito partilhar. Se, por um lado, este blog funciona como uma espécie de diário para mim, um sítio onde posso vomitar ideias e teorias escondida atrás do meu anonimato, por outro tenho muitas vezes receio de estar a falar mais do que devia, de me expor demasiado, ou simplesmente - admito - que escreva coisas que não são bonitas de ler. A título de exemplo: tenho há mais de um mês um texto nos rascunhos cuja escrita me ajudou bastante porque me permitiu arrumar ideias e perceber melhor a situação que estava a viver. Gostava de o ter publicado porque teria apreciado ler outras opiniões e quem sabe a perspectiva de quem está de fora. Cheguei, inclusivamente, a tê-lo agendado, mas entretanto cancelei a sua publicação. O texto era sobre uma situação familiar, e comecei a pensar no que sentiria a pessoa visada se o lesse, e, ainda que isso tivesse uma probabilidade infima de acontecer, acabei por optar por não o publicar. Não sei se fiz bem ou mal, mas decidi assim. E vocês? Escrevem sem filtro ou pesam o impacto das vossas palavras? Onde traçam o limite?

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:04


13 comentários

Imagem de perfil

De m-M a 26.10.2017 às 10:22

Quando comecei este blogue, apostei no anonimato e sim, desabafa muito, estruturava o que se passava. Depois aligeirei. Depois apercebi-me que tenho uma vida um bocadinho diferente... e decidi voltar a partilhar, partes.
Há assuntos que não toco, pessoas que não refiro, por cautela, por cuidado, sim...
Imagem de perfil

De Mia a 26.10.2017 às 22:49

Acho que quando perdemos o anonimato acabamos inevitavelmente por perder parte da nossa essência. Por muito que a queiramos manter, acho que se fica sempre de pé atrás...

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Oh, não gostaste do que escrevi?