Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




E não estou contente com isso.

 

 

Parece confuso?

 

 

É aquela palavrinha ali que me faz espécie, "electiva". Que diz que "escolhi" fazer uma cesariana, que me faz sentir mais fraca, menos capaz, de alguma forma menos digna.

 

 

Não sou de fanatismos: já aqui disse que queria um parto natural, pelas vantagens comprovadas, mas se tivesse que fazer uma cesariana aceitaria pacificamente. Mas não "tive que". Foi-me recomendado que o fizesse, devido ao peso da criança e à perspectiva de um parto complicado, mas em ultima instância a decisão foi minha, nossa, e decidimos os dois que não valia a pena correr o risco. Decidimos que o bebé, eu, e a nossa família somos a prioridade.

 

 

Então porque me sinto assim? Porque sinto que estou a falhar? Porque é que tenho vergonha da minha opção, como se escolher evitar um parto traumático fosse uma coisa terrível?

Autoria e outros dados (tags, etc)


46 comentários

Sem imagem de perfil

De Patrícia a 28.07.2017 às 10:43

Olá mas qual o peso do bebê?
E que o meu filho nasceu com 4,250kg de parto normal sem trauma.
Imagem de perfil

De Mia a 28.07.2017 às 14:01

Estima-se que ultrapasse os 4kg, se não nascer voluntariamente nos próximos dias. A minha mãe também teve um parto natural, sem epidural, de uma criança de 4kg e uns trocos, e quase lhe custou a vida. Talvez seja também por isso que tenho medo. Não é apenas o peso do bebé, o tamanho da bacia da mãe também tem que ser considerado, e no meu caso já fui alertada que um parto natural será complicado. A questão é: valerá a pena tentar, arriscar horas de trabalho de parto em esforço para eventualmente ter o mesmo final?

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

Oh, não gostaste do que escrevi?