Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Era uma vez uma jovem linda e esbelta que fazia tudo pela sua família. Estava sempre lá quando era preciso, fossem as horas que fossem, nem que tivesse outras 3000 coisas mais interessantes para fazer, se alguém precisava ela estava lá. Um dia um cabrão de um charlatão entrou na família, por via de ser o "namorado"* da mãe da jovem, e achou que giro, mesmo giro, era correr com filho da tal mãe, irmão mais novo da belíssima jovem, rapaz ainda dependente da mãe e com problemas seus q.b. A miúda, que não tem sangue de barata e sempre aprendeu a defender os seus mais do que a si própria, armou um escarcéu, chamou todos os nomes e mais alguns ao gajo e disse toda a merda que boa educação a tinha feito manter calada durante demasiado tempo. A família criticou-a, virou-lhe as costas, e agora são todos muito felizes - a família e o charlatão, entenda-se.

Fim.

 

 

*a razão destas aspas dava conteúdo para outra história. Lá chegaremos.

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:03



Mais sobre mim

foto do autor


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D

Oh, não gostaste do que escrevi?